Asfoc promove debate sobre “Ilegalidade e imoralidade do Golpe” nesta terça (08/05) | ASFOC 
Conteúdo exclusivo para servidores associados  do Sindicato

ASFOC

Acesso restrito

Asfoc promove debate sobre “Ilegalidade e imoralidade do Golpe” nesta terça (08/05)

07/05/2018

A Asfoc-SN realizará amanhã (08/05) o debate “Ilegalidade e imoralidade do Golpe. Quem paga essa conta?”, às 13 horas, no auditório da sede do Sindicato. A atividade, alusiva ao Mês do Trabalhador, terá como palestrantes a médica sanitarista, doutora em Saúde Pública pela Ensp e presidente do Centro Brasileiros de Estudos de Saúde (Cebes), Lúcia Souto, e o jurista, professor titular de Direito Internacional da Universidade de Brasília (UNB) e ex-ministro da Justiça, Eugênio Aragão.

Festa do Trabalhador - Na última sexta-feira (04/05), a Paraíso do Tuiuti colocou a Fundação Oswaldo Cruz para sambar na festa em homenagem ao Dia do Trabalhador. A vice-campeã do Carnaval carioca trouxe para o palco o entusiasmo e a magia apresentados na Apoteose neste ano, com sua bateria, passistas, comissão de frente e as críticas sociais à Reforma Trabalhista aprovada pelo Congresso, entoado no samba-enredo “Meu Deus, meu Deus, está extinta a escravidão?”.

O presidente do Sindicato, Paulo Garrido, relembrou as manifestações do 1º de Maio unificado por todo país e as diversas bandeiras erguidas juntas com sete Centrais, várias entidades sindicais e movimentos sociais: contra o racismo, a homofobia, o desemprego, em defesa do SUS, da Fiocruz e da moradia digna.

“Todos esses direitos estão ameaçados. A Asfoc está neste campo de batalha. Vai enfrentar e resistir. Não vamos recuar. Estamos juntos na luta contra o golpe, na luta pelos direitos dos trabalhadores, pela Saúde pública, da população, da liberdade democrática. Asfoc na luta, sempre”, ressaltou Paulinho, cobrando ainda da Presidência a convocação de novos concursados da Fiocruz.

A presidente da Fundação, Nísia Trindade Lima, revelou que no dia anterior o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, assinou ordem ministerial autorizando o Ministério de Planejamento a fazer a nomeação de 111 trabalhadores.  

A abertura do evento ficou por conta do rock da banda Música Urbana - e participação especial do cantor Sylvinho Blau-Blau. Antes das apresentações, a Asfoc-SN apresentou um vídeo homenageando os trabalhadores da Fiocruz Marise Freitas Alves, Matheus Mello e Pepe, que nos deixaram recentemente.

“O vídeo fala da nossa luta e do nosso luto (...). Reverenciamos todos aqueles que continuam a nos inspirar, Marise, Matheus, Pepe, Marielle e Anderson. Presentes!”, disse Nísia.

CD Fiocruz - Na última quinta-feira (03/05), o Sindicato esteve reunido no Conselho Deliberativo da Fiocruz e cobrou uma data de reunião com a Presidência para apresentar o relatório do Fórum das Regionais, com as demandas dos trabalhadores, e também para discutir a pauta específica e a Mesa de Negociação Interna. Participam do CD a vice-presidente Mychelle Alves e o diretor Carlos Fidélis.

No mesmo dia, Paulo Garrido e a diretora secretária Geral, Luciana Lindenmeyer, participaram como convidados da agenda do Instituto Brasileiros de Estatísticas e Geografia, na palestra “O IBGE precisa de democracia. Venha conhecer a experiência da Fiocruz e construir a nossa”.

Os dois historiaram a luta dos trabalhadores na construção e defesa do processo democrático hoje existente na Fundação Oswaldo Cruz. “A democracia, para a Fiocruz, é um conceito de Saúde. Um conceito fundador do SUS e também norteador de nossas ações. O exercício da cidadania, essa constante busca por “dominar” e “transformar” o futuro, é Saúde. Sermos os donos de nosso próprio destino”, disse Paulinho.

Luciana sugeriu que a Asfoc e a Assibge (Sindicato Nacional dos Servidores do IBGE) aprofundem o debate sobre a democratização dos serviços públicos e amplie a articulação nacional das carreiras públicas por desenvolvimento sustentáveis.

A diretora da Assibge Susana Lage Drumond agradeceu a presença da Asfoc e disse que a experiência detalhada no debate ajudará muito nas discussões internas. Ela reafirmou que o modelo democrático da Fiocruz é um balizador na construção da democracia almejada pelos trabalhadores do IBGE.

O Sindicato também participou no mesmo dia do debate “Acidentes de Trabalho no Brasil: realidade e desafios”, no Salão Internacional da Ensp. Durante o evento, Paulinho reafirmou, ao lado do diretor Marcos Besserman, a prioridade da Asfoc em relação à pauta da saúde do trabalhador. O presidente ainda se solidarizou às vítimas da explosão da Central de Gases do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS), no campus de Manguinhos. O diretor Alcimar Pereira Batista (Administração e Finanças) esteve no hospital, onde a equipe do Nust/Presidência presta assistência aos trabalhadores – Alcimar acompanha o caso e colocou o Sindicato à disposição dos familiares.

A mesa de debate sobre acidentes de trabalho promovida pela Ensp contou com Vilma Santana (Universidade Federal da Bahia), Karla Freire Baeta (Ministério da Saúde) e Luiz Oliveira (Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro).

Paulinho participou ainda na sexta da palestra “O Brasil face à revolução da longevidade”, no Instituto Oswaldo Cruz (IOC), com o presidente do Centro Internacional de Longevidade Brasil, Alexandre Kalache. A vice Mychelle Alves e os diretores Luciana Lindenmeyer, Alcimar Pereira Batista e Gutemberg Brito (Comunicação) estiveram presentes na apresentação da primeira pesquisa sobre o perfil do pós-graduando da Fiocruz, promovido pela APG/Fiocruz, no Museu da Vida.

Clique aqui para ver algumas fotos da Festa do Trabalhador! Até o fim do dia, a Asfoc disponibilizará mais imagens do evento no portal (www.asfoc.fiocruz.br) e em sua página no Facebook.

Sindicato dos Servidores de Ciência, Tecnologia, Produção e Inovação em Saúde Pública - Asfoc-SN
Av. Brasil, 4365, Manguinhos, Rio de janeiro / RJ – CEP 21040-360
E-mail:secretaria@asfoc.fiocruz.br | jornalismo@asfoc.fiocruz.br
Horário de Funcionamento: Segunda a Sexta das 08h às 17h.
Telefones: (21) 2598-4231 | 2290-7347 | 2290-6395 | 2564-5720